:: Não vire a página. Feche o livro! ::

"Esquecendo-me das coisas que para trás ficaram e avançando para as que estão adiante, prossigo para o alvo, a fim de ganhar o prêmio do chamado celestial de Deus em Cristo Jesus."

(Filipenses 3.13)

Quando a gente menos espera, vem a vida e nos surpreende. Sim, é verdade. Os planos que você demorou tanto para construir e aqueles sonhos que você achou que tivessem começado a se realizar podem ruir de uma hora pra outra, num piscar de olhos. As perguntas que você demorou tanto pra responder não importam mais, pois novas perguntas – ainda sem resposta – surgiram.

O que era só estabilidade torna-se instável. O que era seguro, inseguro. O que até então era uma rocha inabalável vira areia levada pelo vento. E o farol que até então te guiava e iluminava seu caminho, se apaga. Na escuridão, tudo parece ter se perdido. Quando tudo fica escuro, você mesmo se sente perdido.

A vida é assim: momentos de tristeza interrompidos por breves momentos de alegria. Mas isso não quer dizer que não se possa ser feliz. Pelo contrário, a verdadeira felicidade está justamente nesses momentos que a vida lhe reserva – sejam eles de tristeza ou de alegria. Como diz Johnny Welch, "aprendi que todo mundo quer viver no cume da montanha, sem saber que a verdadeira felicidade está na forma de subir a escarpa". É verdade. A felicidade genuína está na forma de caminhar pelos percalços que a vida te impõe, não importando se você chegou ou não ao destino planejado.

Por exemplo: se tem uma coisa que a vida me ensinou, mais de uma vez, foi a dar adeus – seja por morte física, seja por morte emocional – para pessoas que aprendi a amar. Pode até não parecer, mas ser obrigado a dar adeus para alguém que você ama, contra sua própria vontade, é uma das piores dores que a alma humana pode sentir.

Contudo, não é o fato de eu ter passado por um momento de dor como esse que a minha vida não possa ser feliz. Ela pode! Isto só é possível porque a felicidade deve estar na forma de olhar, e não no que se olha. Só por essa razão é que a felicidade é capaz de existir também nos momentos de tristeza.

Nesses momentos de escuridão, uma boa coisa a se fazer é mudar. Mudar a direção, mudar os planos, mudar as idéias. Abrir outras portas, trocar de música preferida, deixar de ser quem era e descobrir dentro de si um “novo eu”, melhor que o de outrora. A mudança é essencial para quem quer sair do mistério da escuridão apto a enxergar a luz novamente. "Há um tempo em que é preciso abandonar as roupas usadas que já têm a forma do nosso corpo, e esquecer os nossos caminhos que nos levam sempre aos mesmos lugares. É o tempo da travessia; e se não ousarmos fazê-la, teremos ficado para sempre, à margem de nós mesmos..." (Fernando Pessoa).

Na vida, temos que aprender a não deixar de regar algumas pétalas da rosa pelos simples fato de ter sentido a dor de um de seus pequeninos espinhos. Como dizia Shakespeare, "não é digno de saborear o mel aquele que se afasta da colméia por medo das picadas das abelhas". Devemos ser dignos de saborear o mel; devemos ser dignos de sentir o aroma da rosa, ainda que tenhamos medo – no futuro – de que a dor possa vir a fazer brotar uma lágrima de nossos olhos. Pois o objetivo da lágrima é lavar os nossos olhos para tirar o cisco que nos impede de enxergar o brilho das novas oportunidades que nascem todo dia ao nosso redor.

Lembre-se: a vida pode trazer perdas, mas traz também novas oportunidades! Portas fechadas são portas abertas para novos horizontes. Por isso, aprenda a recomeçar. Às vezes não basta virar a página; é preciso fechar o livro e começar a escrever uma nova história. Quem não aprendeu a recomeçar, não aprendeu a viver. Quem não aprendeu a escrever uma nova história, apenas passou pela vida – não viveu. Quanto a mim? Fechei o livro e comecei a escrever uma nova história. Estou aprendendo a viver!

P.S.: Se você ainda não conseguiu fechar o livro, escreva pelo menos um novo final.

Por Fernando Khoury
Marcadores: | edit post
Reações: 
32 Responses
  1. Michele Says:

    Fe, adorei seu ponto de vista com relação à "não virar a página e sim, fechar o livro"... nos faz pensar no desafio de recomeçar uma nova história quando aquela que sonhávamos já não faz mais sentido... que Deus continue iluminando sua mente e abençoando sua vida, pra que você contagie todos ao seu redor através de suas idéias - ou melhor, ideias (agora é sem acento! humpf!!!) - tão inspiradoras postadas aqui!
    bjs!!!


  2. Fernando,

    Recebi a atualização do seu Blog (pela primeira vez) pelo e-mail do orkut e vim conferir!!! rs..
    Mto bom o texto... me fez lembrar muitos momentos que tive que RECOMEÇAR.. FECHAR O LIVRO entende...?! E posso te dizer uma coisa? Foi doloroso, parecia que não tinha fim... mas uma hora ela se foi e Valeu a Pena! Porque a gente cresce, a gente amadurece, abrimos os olhos, enxergamos com a alma coisas, pessoas, lugares nunca percebido antes.. enfim, a gente aprende!!
    E é isso aí... não te conheço muito, não sei qual sua história, mas Bola pra Frente 'que atrás vem gente'! rs... Deus te abençoe menino!
    Beijos
    KARINE NOVAES


  3. Nazare Cicchelli Says:

    Parabens Fe, muito bom sentir que você está no caminho certo,"no matter what happens we´ve got to be happy". O mais importante é nos sabermos que a tristeza é o contraponto da alegria é que sem ela nos não saberiamos identificar os momentos de felicidade. Feche este livro pois tem uma biblioteca inteira esperando por você.
    Um beijão,
    Tia Nazaré


  4. princessalic Says:

    Olá, Fernando... Talvez não se lembre de mim, mas isso não importa...

    Muito bom seu texto! Inteligente e lógico, pelo ponto de vista cristão...

    Temos sempre q ter Deus iluminando nosso caminho... e por diversas vezes é preciso, sim, fechar o livro... E deixar Deus escrever nossa nova história.
    Os dois parágrafos q fizeram sentido pra mim, nesse momento da minha vida, foram, o 4º e o 5º parágrafo.
    Enfim... continue a escrever... Tenho certeza q isto te faz um bem enorme, e garanto q tb faz bem a nós, leitores... rs

    Há uma coisa q li há alguns dias... não sei quem é o autor...
    no entanto, é bastante inteligente, humano.
    Veja...
    'Muito frequentemente, nós subestimamos o poder do carinho, de um sorriso, uma palavra amável, um ombro amigo, dar ouvidos a alguém, um elogio honesto, ou o menor ato de dedicação, pois todos estes têm o poder de transformar uma vida.'

    Se quiser falar comigo, meu MSN é: princessalic@hotmail.com

    Deus te abençõe!!
    Beijinhos...
    Priscila Dias


  5. Viviane Says:

    Sábias palavras!!!
    Não sei o que se passa com você, mas sei que Deus uso você para falar ao meu coração e me lembrar que as dores e desilusões sempre existirão, mas maior é o nosso Deus. Vou seguir o seu conselho. Fecharei o livro e começarei a escrever outra história. Que Deus nos abençoe e guie nossas mãos por essas novas páginas a serem escritas.
    Beijos, Vivi. (Union Church - 2002/2003)

    vikinhasgusmao@hotmail.com
    vikinhasgusmao@yahoo.com.br


  6. Dida Says:

    "ser obrigado a dar adeus para alguém que você ama, contra sua própria vontade, é uma das piores dores que a alma humana pode sentir."[2]

    Nossa. Não só concordo, como entendo perfeitamente isso tudo. Cara, agora entendo que minha lerdeza ao vir aqui ler o seu texto foi a melhor coisa que fiz, pois não teria assimilado com tanta sede e intensidade o que está escrito. Obrigada pelas palavras! Saiba que me ajudou muito! E que venham novas histórias e fontes de inpiração para escrever, né?


  7. Dida Says:

    PS.:
    "Há um tempo em que é preciso abandonar as roupas usadas que já têm a forma do nosso corpo, e esquecer os nossos caminhos que nos levam sempre aos mesmos lugares. É o tempo da travessia; e se não ousarmos fazê-la, teremos ficado para sempre, à margem de nós mesmos..."

    É por isso que eu amo Fernando Pessoa, minha alma gêmea literária!!!


  8. Anônimo Says:

    Fernandinho,amei o seu texto,as vezes é difícil fecharmos o livro, mas quando tomamos coragem e decidimos começar uma nova história percebemos então,quantas oportunidades aparecem e quantas novas portas se abrem.Pensamos...porque não fiz isso antes?Sair do nosso conforto é doloroso,mas..começar um novo tempo é muito bom...Vale a pena fechar o livro.


  9. Fernandinho, obrigado por compartilhar esse texto. Estava precisando ler isso, Deus te abençoe!

    beijo no coração.


  10. Elizabeth Says:
    Este comentário foi removido pelo autor.

  11. Elizabeth Says:

    Fernandinho,
    Você tinha toda a razão quando disse que eu deveria dar uma olhadinha nesse texto. Mais uma vez, você foi benção na minha vida!!!
    Você foi genial quando escreveu: "Às vezes não basta virar a página; é preciso fechar o livro e começar a escrever uma nova história."
    Deus continue a lhe abençoar!!!!
    E, novamente, obrigada por compartilhar suas idéias!!!


  12. Chris Amag Says:

    Fernando Khoury

    Nunca li um texto tão bonito e escrito com uma emoção que dá para sentir em cada palavra...

    Sei que não foi apenas o Fernando escritor, mas senti a presença de Deus em suas ideias e pensamentos.

    Esse é um ministério que você tem: o de levar palavras de conforto por meio da sua Arte, ora sob a direção do Espírito Santo.

    Esse texto vem para mim em um momento importante, quando eu resolvi assumir um novo trabalho, fechando um ciclo e começando algo totalmente novo. Sinto certa insegurança, mas sei que isso faz parte do meu crescimento, conhecerei novas pessoas e terei oportunidade de falar de Deus a elas e quem sabe aprender muito com elas também.

    Um grande abraço.

    Chris Amag


  13. Fernando.

    Parabéns pelo excelente texto.

    A vida é uma página em branco, e sempre precisamos reescrevê-la, pois a cada dia novos aprendizados vão surgindo, e percebemos que erramos muito, mas que sempre temos a oportunidade de reparar nossos erros.

    Adorei!

    Bjs.

    Rosana.


  14. Kellen Says:

    Com certeza a vida traz consigo esses desafios. Um deles é saber recomeçar, mas ter estrutura física e emocional para isto é um aprendizado constante..

    Sds
    Kellen


  15. Ines Says:

    Olá Fernando!!! Sabe que estava precisando ler esse texto?. Muito bom, muito útil. Valeu demais....Vc foi um instrumento de DEUS. Bjs


  16. Estava precisando de uma palavra assim, obrigado Deus te abençoe.

    Seu mais novo leitor Alisson Nascimento


  17. Aline B Says:

    O salmista diz que cada dia de sua vida já havia sido escritos por Deus no Seu livro, mesmo antes do salmista existir (sl 139:16). Estava pensando sobre o fato de que Deus renova todas as coisas, as suas misericordias são novas a cada manhã, cada dia é um novo dia... Mas nem sempre acordamos e vivemos com a visão renovada, com a expectativa das coisas que Deus nos tem pra nós em cada dia novo que ele fez e que nos concede viver.
    Aprendi que tenho dificuldades pra experimentar mudanças, situações de laços emocionais desfeitos, perdas.. Concordo que perder pessoas que amamos é uma dor muito grande, e nesse caso acho que recomeçar não sinifica deixar tudo pra trás, mas levantar e voltar a caminhar. Ou caminhar de maneira nova.


  18. Aline B Says:

    "Esqueçam o que se foi; não vivam no passado.
    Vejam, estou fazendo uma coisa nova!
    Ela já está surgindo! Vocês não a reconhecem?
    Até no deserto vou abrir um caminho e riachos no ermo."
    Isaias 43:18-19

    Que Deus nos ajude a VER, RECONHECER as coisas novas que Ele faz surgir.
    Ele pode fazer qualquer coisa vir a existir - mesmo riachos no deserto.
    Nada é impossível pra ele.
    Que Deus nos abençoe!


  19. Fran Says:

    Este post parece que foi escrito para mim.

    Provavelmente levarei fragmentos do mesmo para meu blog - mas com os devidos créditos,claro.

    té mais...


  20. Belíssimo texto e excelente blog.

    Parabéns.

    Já estou seguindo e estarei sempre visitando.

    alexmaltta.blogspot.com
    Evangelho da Graça


  21. Chris Amag Says:

    Graça e paz, Fernando Khoury!

    Estou divulgando o seu texto e o seu blog, já vi dois rostihos conhecidos aqui...

    Abraços!
    Chris Amag


  22. Pastoragente Says:

    Graça e paz!

    Vim conhecer seu Blog e quero te parabenizar pela bênção que pude ver aqui.
    Eu sou a futura sogra (só o Senhbor sabe-rsrs) do Thiago, que tocou algumas vezes com vcs nessa banda maravilhosa...lembra dele?)

    Já estou te seguindo e será uma honra te receber no pastoragente.blogspot.com.
    Se quiser segui-lo vai ser uma alegria pra mim.
    No blog conto da forma mais realista e divertida possível as realidades, dúvidas e experiências de uma simples pastora como eu.
    Fique na paz e tenha um 2010 abençoado. Um abraço.


  23. leo... Says:

    Cara, muito bom seu texto! A Rebecca me mandou o link por e-mail e eu vim ler. Parabéns continua assim e semper que der vou acompanhar o seu blog! Abração!!


  24. Alexandre Says:

    bom texto rapaz.

    só um detalhe que discordo:

    "A vida é assim: momentos de tristeza interrompidos por breves momentos de alegria."

    minha vida é o contrário: estou sempre feliz e alegre, e vez ou outra triste por algum motivo, sempre passageiro. talvez por ser assim, otimista, eu nunca venha a ser um poeta. não entendo o que Fernando Pessoa chama de "o triste da vida". talvez seja uma visão equivocada minha, essa percepção de que a vida é melhor do que talvez de fato seja, mas eu sou assim e ponto. fazer o quê?

    abração.

    Alexandre Valadão

    www.twitter.com/aavaladao


  25. Fernando,

    Muito bom seu texto sobre fechar o livro. Recebi indicação do Castelo de Areia, mas preferi abri esse aqui e adorei.
    Penso que tudo que é bom e pode ajudar alguem, deve ser compartilhado.
    Tô levando pra postar no meu blog com os devidos créditos, claro. Assim mais pessoas poderão ver que as vezes não basta virar a página, mas fechar o livro pra recomeçar.
    Obrigada amigo!
    Agora que conheci seu espaço, vou te seguir pra ficar a par de suas atualizações.
    Um abraço!


  26. Glaber Says:

    Fernando,
    Sabe aquele dia em que a tristeza bate forte dentro da gente, por causa de uma perda de um ente especial, foi neste estado que tive o privilégio de ler teu texto.
    Ao lê, senti alívio e muito paz. O texto me fez refletir sobre continuar a escrever uma nova história. Valeu. Achei muito bom.
    Obrigado.
    Caso tenha tempo para ler, aí vai meu blog: antonioglaber.blogspot.com

    Glaber.


  27. Depois vamos falar de MSN pois seu codigo nao funcionou e eu nao entendi o que precisa exatamente.

    danilo.silvestre.fernandes@hotmail.com

    Abs,

    Danilo


  28. Rener Brito Says:

    Obrigado pelo o e-mail veio no momento muito oportuno.


  29. alessandra Says:

    A paz do Senhor, parabéns pelo blog, é a primeira vez que o visito, mais fiquei maravilhada com a maneira com o qual o direciona, entende-se a voz do senhor sem muita força, não posso apenas comentar sobre este tópico sem deixar de falar de todo o conteúdo, continue assim apaixonado por esse Jesus, assim através da sua paixão muitos conhecerão nosso Jesus de uma forma inteligente, objetiva e sincera. Deus o abençõe sempre.
    O convido também a visitar nosso Blog: www.praalessandra.blogspot.com , será um uma alegria imensa tê-lo como seguidor. Pra. Alessandra.


  30. andreabarros Says:

    Não tinha tido oportunidade ainda de ler todos os seus textos, mas DEUS sabia porque não tinha me permitido ainda: esse texto é perfeito. Isso, vou seguir seu modesto conselho, não vou só virar a página porque o vento pode "dar" e a página voltar, vou mesmo é fechar o livro porque assim recomeço uma nova história e me torno novamente feliz. obrigada por permitir que DEUS te use para ser canal.


  31. Parabéns pelo trabalho!

    Um fraternal abraço.

    BLOG: http://tocadopeloespiritosanto.blogspot.com/


  32. Anônimo Says:

    Mas dói,muito certo,mas não são todas as pessoas que conseguem e se consegue sofre,é que esse virar de página ou escrever um livro tem de esquecer mesmo mas não esqueçemos,eu não esqueço, e ta certo também ,eu vou quebrar a cara, adoecendo...Queria ter essa convicção essa ação.O que fazer?Fico feliz para os que conseguem.


  • Ocorreu um erro neste gadget

    :: NEWSLETTER ::

    Cadastre seu email e fique atualizado sobre novas postagens:

    É grátis!

    :: SEGUIDORES ::

    :: ÚLTIMAS ::

    FAÇA SUA PARTE!

    diHITT